Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

amulherqueamalivros

"INSTRUMENTAL" | JAMES RHODES

 

IMG_20171024_134109_HDR.jpg

 

Tem sido um mês de leituras duras e intensas. 

 

Nenhuma criança merece conhecer a dor. Os maus tratos relacionados com crianças revoltam de tão injustos e cobardes. Infelizmente é a realidade de muitas crianças. Por ser um tema extremamente duro não consigo recomendar este livro a toda a gente. O próprio James Rhodes recomenda cautela na escolha desta leitura sobretudo para leitores com histórias semelhantes. Pode ser um gatilho. Pode ser uma experiência muito dura. Esta biografia é extremamente desconfortável e deixa uma sensação de angustia. Totalmente visceral. 

 

James Rhodes tenta quebrar alguns estigmas em relação à musica clássica e o mais incrível é que ele consegue. A musica clássica não precisa de ser séria ou aborrecida. Pode salvar vidas e ser inspiradora. Para além de ter uma elevada importância para quem a compreende. Cada capitulo revela um compositor fundamental na vida e crescimento profissional do pianista.

 

Bonito neste livro é o amor que ele tem pelo seu filho. A forma como revela o lado mais doce e desprotegido. O amor imbatível e a constante protecção. O nó no coração depois de levarem o filho para longe dele. A extrema dificuldade de olhar à sua volta, reconhecer a perfeição e não saber lidar com nada. Até ao dia em que precisa de pedir ajuda à sua família e tudo vira do avesso novamente. 

 

"Apesar de o desejar, já não sentia uma ligação com a minha mulher, nenhum futuro optimista a unir-nos ou esperanças e sonhos acerca dos quais conversar noite adentro. Eu entrei para aquela relação como um sonâmbulo, tive um filho perfeito, lindo e extraordinário, e não fazia ideia como educá-lo."

 

"Instrumental" é um livro necessário, uma leitura urgente. E ao contrário do que o autor anuncia nas primeiras linhas não é um livro sobre música, é um livro sobre sobrevivência e escape à dor. Sem vitimização. Esta história de vida deixa marcas. Deve ter sido extremamente difícil escrever sobre este sofrimento assim como expor a sua fragilidade. Bendita coragem. 

 

O que aconteceu na vida do James Rhodes após as constantes violações do seu professor? Como afectou a sua personalidade e o contacto com os outros? Como é a sua relação como  filho? Como é viver todos os dias com este passado? Como é que a música clássica o salvou? Quais são os três álbuns de música clássica que ele recomenda como indispensáveis? Estas e mais perguntas são respondidas neste livro imperdível. 

 

 

2 comentários

Comentar post

leitora beta * divulgação * literatura *

contacta-me para mais informações contactoclaudiaoliveira@gmail.com
guia-de-viagem-skyscrapper

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D