Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

amulherqueamalivros

OS MELHORES 4 LIVROS DO LER OS NOSSOS DESTE ANO

 

InShot_20180802_124426607.jpg

 

No passado mês de Julho aconteceu o projeto Ler os Nossos. Um projeto que já conta com três edições e tem muita adesão por parte dos leitores, o que me deixa extremamente feliz. Sobretudo por ver divulgados vários autores portugueses, ver que ainda contribuímos para a nossa literatura e conseguimos sair surpreendidos desta experiência. Pessoalmente sempre gostei bastante de ler os nossos e costumo ler vários autores portugueses ao longo do ano. Mas foi com este projeto que encontrei a maior parte dos meus preferidos. 

 

Com este projeto costumo aliar o projeto Ler Saramago, é um projeto, criado há cerca de quatro anos, que consiste em ler as obras do autor por ordem cronológica. Continua a ser o meu escritor preferido de sempre e apesar de não ter adorado o romance lido o mês passado (Evangelho Segundo Jesus Cristo) valeu a pena voltar à sua rica e entusiasmante ironia. E ver outras pessoas arriscarem o autor é maravilhoso também. 

 

Hoje a lista é sobre as melhoras obras que eu li para o Ler os Nossos. Escolhi quatro livros dentro dos vários lidos. São livros que se destacam pela sua qualidade e que eu recomendo a toda a gente. E ainda têm um preço espetacular, como nós gostamos. 

 

Alçapão, de João Leal (opinião)

Um livro que custou uma pechincha (está à venda por 5€ nos sites) e foi uma total surpresa. Talvez a maior surpresa porque esperava que fosse bom, mas nada me preparou para esta história alucinante. Entretanto, mais pessoas compraram, leram e concordaram comigo. João Leal escreve de forma muito carismática e é bastante criativo.  

 

O Meu Irmão, Afonso Cabral Reis

Meus deus, que livro bom! É aquele livro que uma pessoa não dá nada, encosta eternamente na estante devido a criticas negativas e sai a bater palmas de pé. É fantástico! Por estas e por outras é que devemos sempre seguir os nossos instintos em relação aos livros, em vez de ficarmos presos a opiniões alheias. No entanto, foi a opinião efusiva da Mar Pereira que me empurrou para ele. A narrativa do Afonso é impecável, a história envolvente, o desfecho atordoante. Os temas abordados tocaram-me profundamente. Recomendo a toda a gente. Não vejo a hora de ler o seu novo romance que deve sair ainda este ano. 

 

Morte, Maria Filomena Mónica (opinião)

Adorei este pequeno livro. Aborda a questão da eutanásia com uma linguagem super acessível, cheio de experiências pessoais e dados factuais sobre as mortes em Portugal. Foi uma pequena surpresa ler esta autora e pretendo ler mais no futuro. Vale muito a pena o pequeno investimento neste livro que traz conhecimento, acrescenta conhecimento, aliado a uma narrativa muito envolvente. 

 

Os Passos em Volta, Herberto Helder (opinião)

É um livro muito profundo e carregado de sentimentos angustiantes. Não me canso de ler este autor. Não me canso de pegar neste livro, abrir ao calhas e ler algumas linhas em busca de palavras desconcertantes. Não me canso de buscar significado na solidão expressa nestas páginas. Ele é absurdamente genial.  

 

Já leste algum dos livros citados? Gostas de ler literatura portuguesa? Já arriscaste ler Saramago?

 

Leia também:

18 Escritoras Portuguesas Contemporâneas 

Lugares em Portugal Para Descobrir e Usufruir

Os Meus Escritores Portugueses Preferidos

 goodreads twitter instagram facebook

OS MEUS ESCRITORES PORTUGUESES PREFERIDOS

IMG_20180713_142000_HDR.jpg

 

Para esta lista escolhi apenas autores que já li e dos quais recomendo imenso os seus livros. Posso ter lido apenas um livro do autor citado, mas pretendo ler mais ou tudo o que escreveu. Arrebatou-me, penso nele várias vezes, marcou-me. Vários autores não estão na lista apesar de ter adorado os seus livros porque simplesmente não conquistaram aquele lugar especial no coração. São bons, têm livros maravilhosos, mas nem todos nos cativam da mesma forma. Estes autores fazem-me ficar de olho à espera de novos títulos ou reedições. 

 

Estes são de confiança, podem começar já a explorar a sua obra. Estão por ordem crescente, ou seja, do/da escritor/escritora que gosto muito para a/o que amo. 

 

Algum dos escritores citados faz parte dos vossos preferidos? Qual o vosso escritor português preferido que não está nesta lista? Conta-me tudo nos comentários, adoro descobrir novos escritores portugueses. 

 

Eis a lista.

 

H.G. Cancela

Li por recomendação da minha professora. Foi uma excelente descoberta. Dou por mim a pensar neste livro, na escrita irrepressível de As Pessoas do Drama. Um autor absolutamente brilhante que espero ter o prazer de ler mais vezes. 

 

José de Almada Negreiros

É um artista multifacetado que me marcou bastante com os dois títulos que li dele. Escreve de uma forma maravilhosa e transpõe para as suas obras a história de uma sociedade assim como a sua arte. Pretendo ler mais a sua poesia. 

 

Fernando Pessoa

Autor estudado na escola, marca qualquer aluno. Mais tarde, por iniciativa própria, li O Livro do Desassossego que me deu um nó no cérebro tal a sua profundidade e a minha imaturidade. Sonho comprar aquela edição linda da Tinta da China para reler. E a poesia do Fernando Pessoa é única, tem de ser lida e relida. 

 

Júlio Dinis

Nunca me esqueci da história Uma Família Inglesa. É um título que recomendo sempre e me deliciou durante umas férias em Vieira de Leiria. Pretendo ler mais, sobretudo As Pupilas do Senhor Reitor.

 

Miguel Esteves Cardoso

Conhecemos o escritor pelas suas crónicas maravilhosas. E não desfazendo dos romances, são as suas crónicas que me enchem as medidas e me apaixonam. Uma visão extremamente sensível que sabe colocar em palavras o estado da alma. 

 

Joel Neto

Perdi-me no seu romance Arquipélago. Foi uma surpresa total que me deslumbrou e deixou saudades. Quero ler os outros romances, a sua escrita é apaixonante. 

 

Bruno Vieira Amaral

Prefiro não tecer mais elogios a este escritor para não me tornar repetitiva, mas este é outro exemplo do qual pretendo devorar tudo o que escrever. Sem pressas. 

 

Rosa Lobato de Faria

A minha querida do coração. Li várias obras e o seu toque de ternura continuam a conquistar-me. É umas das escritoras que recomendo para começar a ler autoras portuguesas. São histórias muitos tradicionais e com personagens muito portuguesas. 

 

Valter Hugo Mãe

Demorou para me conquistar, mas agora será difícil de me desiludir. Autor impecável, com uma forte aptidão para colocar os leitores a chorar. São sempre histórias tristes, sufocantes. Adoro. 

 

Isabela Figueiredo

Li os seus dois livros e gosto muito de ambos. Foi uma autora que me conquistou pela escrita e pretendo seguir com atenção o seu caminho na literatura portuguesa. 

 

Isabel Lucas

Jornalista, o seu trabalho foi compilado sobre o sonho americano numa edição marvilhosa da Companhia das Letras. Leio sempre que posso os seus trabalho no jornal diário Público.

 

Afonso Cruz

Aquele escritor querido de todos os leitores. Não há escritor como ele. Conquista as pessoas com um paragrafo e vira amor para a vida toda. No meu caso, apaixonei-me por um final e depois daí a minha paixão foi sempre a crescer. 

 

Nuno Júdice

Poeta incrivel que me encantou ao prmeiro poema. Um dos meus poetas preferidos e aquele que recomendo para quem quer começar a ler poesia portuguesa. 

 

José Luís Peixoto

Quero ler tudo o que escrever. Gosto da figura e da escrita. Tenho opiióes contrárias em relação aos seus livros, ora gosto muito, ora nem por isso. Mas vou ler sempre que lançar um livro. Há amores que não se explicam. 

 

João Tordo 

Gosto dele tanto ou mais como gosto dos seus livros. Talvez por achar que a sua escrita é parte daquilo que ele é. Coloca muito da sua personalidade nos seus romances e isso sente-se. Gosto muito e cada vez mais.  

 

Eça de Queirós

Autor que o tempo não fa esquecer, pelo contrário. Já li vários romances do autor clássico, mas só desgostei de um. Adoro aquilo que mais criticam na sua narrativa, descrições imensas. Autor da vida desde muito cedo.

 

Herberto Helder

Para mim é o mestre, um gigante da poesia. Foi com os seus poemas que senti o impacto da poesia. 

 

Maria Teresa Horta

Aquela escritora que será sempre uma excelente aposta e me fará suplicar que escreva muito por muitos anos. Um dos maiores nomes da literatura portuguesa. Que bom encontrar escritoras com este talento. 

 

José Saramago

O meu preferido. Tem uma imaginação, ironia e poder critico sem igual. É único em tudo o que escreve e ama. Até me dói o coração que transborda de amor só de pensar na obra que nos deixou. 

DEZ LIVROS FABULOSOS ESCRITOS POR PORTUGUESES

IMG_20180708_110714.jpg

 

Decidi criar uma lista recheada de títulos escritos por autores portugueses. São livros que me marcaram muito pelas mais diversas razões. Não quis ir pelas obra mais recorrentes, mas acabei por tropeçar três vezes. Não dava para passar ao lado sem voltar a falar neles. No entanto, acho que vão ter algumas surpresas. A literatura portuguesa é a que mais me apaixona. E assim, como em outras áreas, a literatura está cada vez melhor. Como novos autores, novas perspectivas e opções. Há lugar para todos os gostos, se não somos os melhores do mundo andamos muito perto de o ser. Temos o melhor do mundo, a nossa língua. A mais rica, a mais vibrante e apaixonante. 

 

Se tiverem títulos para me recomendar, ou se ficaram interessados em algum desta lista, sintam-se à vontade para comentar, discordar e acrescentar. 

 

 

Começo pelo titulo com opiniões mais distintas. Ora gostaram muito, ora nem por isso. Eu amei e apesar de não ter gostado muito das obras seguintes, este guardo no coração. No Meu Peito Não Cabem Pássaros, de Nuno Camarneiro. Foi o seu romance de estreia, com uma forte e fantástica narrativa. Para quem gosta de prosa poética, de histórias que não se entregam de imediato, este livro é O livro. 

 

 

 

Vou bater na mesma tecla e recomendar Maria Teresa Horta, a minha escritora portuguesa preferida. Venha quem vier. Já li dois livros e estou a ler o terceiro. Meninas e A Paixão Segundo Constança H são duas obras inigualáveis na literatura portuguesa. A escrita é a perfeição dentro dos requisitos do que é para mim a qualidade. 

 

 

Dias Úteis, de Patrícia Portela é um livro totalmente desconcertante. Fez-me sair da zona de conforto e pedir por mais. Precisamos de mais escritoras como ela, com um enorme domínio e liberdade, mostra que a literatura portuguesa está de saúde e recomenda-se. 

 

 

José Luís Peixoto é um dos mais conhecidos desta lista, mas não podia deixar de sugerir o seu último título O Caminho Imperfeito. Neste livro caminhamos com o autor numa viagem a Banquecoque e a Las Vegas. Somos confrontados com a sua verdade, na esperança de quebrar preconceitos em relação às suas escolhas. Temos um escritor que se divide entre o mais querido, sincero e sensível. 

 

 

Um dos últimos romances escritos por um autor português capaz de me fazer os olhos brilharem foi Hoje Estarás Comigo no Paraíso, de Bruno Vieira Amaral. Confesso que sou um bocadinho exagerada quando me apaixono por um livro ou autor, mas este foi um caso sério. No entanto, com o passar dos meses, o deslumbre apesar de ter atenuado bastante, acabo sempre por pensar nele quando preciso de recomendar um livro que misture realidade e ficção cheio de personagens fáceis de identificar como os nossos vizinhos, o passado ou os encontros ocasionais. 

 

 

 

Aquela leitura obrigatória sobre violência doméstica que devia estar em todos os centros de saúde e bibliotecas na esperança que a palavra fosse passada de boca em boca e o mundo se transformasse num lugar melhor. Falo no título Em Nome da Filha, de Carla Maia de Almeida. Aquele livro que eu li e saí a recomendar a toda a gente do booktube e fora dele. Felizmente muita gente leu e concordou comigo. 

 

 

Karen, de Ana Teresa Pereira. A escritora foi uma surpresa ,sobretudo com este título. A história é construída cheia de mistério e dúvidas. Apesar de curto, as personagens são tão complexas que fiquei encantada. Se na altura não reparei nos "estragos" que a autora fez, meses depois acabei por concluir que a história cresceu em mim e o livro é um dos meus preferidos. 

 

 

 

 

Um dos primeiros livros de poemas de autores portugueses que eu li. Com ele, tive aquele "click" em relação à poesia. Apaixonei-me, simples assim. Escuro, de Ana Luísa Amaral. A sua importância foi o pontapé de partida para um mundo novo e não podia estar mais agradecida. Outro título que eu recomendo para ser o primeiro livro de poemas da tua vida é do poeta Nuno Júdice, A Pura Inscrição do Amor. Que livro magnifico, tem um dos meus poemas preferidos da vida

CLARO QUE TINHA DE VIR AQUI

 

 

 

Hoje celebramos o Dia do Livro Português. Qual é o propósito desTe dia? Neste vídeo faço a minha homenagem, mostro todo o meu amor pelos livros portugueses. E que tal dares uma oportunidade à literatura portuguesa? Que tal descobrires o teu autor português preferido? Mostro-te cinco novidades maravilhosas com propostas muito diferentes. Não te esqueças de me sugerir um livro português nos comentários. 

 

 goodreads twitter instagram facebook wook

 

Ler os Nossos | Vamos ler autores portugueses?

 

IMG_3987.JPG

 

 

Para celebrar o aniversário do blog e do canal decidi criar um projecto de leitura para todos. O projecto chama-se Ler os NossosA ideia consiste em ler autores nacionais durante o mês de Novembro. A ideia é que participem pelo menos com a leitura de um livro de um autor nacional. Eu escolhi ler somente livros de literatura nacional durante o mês, mas podem ler um no meio de outros autores se preferirem. Também seleccionei alguns livros pouco conhecidos e de géneros diferentes. 

 

Isto para quê? Qual é o objectivo? Divulgar o que é nacional, trocar ideias sobre o que está a ser escrito no nosso país, sair da zona de conforto (para alguns) e o mais importante, incentivar alguém a ler literatura portuguesa. Boa? Acham boa ideia?

 

Fica o convite bastante entusiasmado da minha parte. Brevemente farei um vídeo com mais pormenores, pretendo mostrar os livros que escolhi para o projecto e responder a dúvidas caso apareçam. Será um mês totalmente dedicado à literatura nacional neste blog e canal. Gostaria muito que todos participassem neste mês tão especial para mim. 

 

Para participar basta usar a hastag #lerosnossos nas redes sociais. Avisar, partilhar e divulgar ao máximo os livros que andam a ler. Vou partilhar as opiniões de todos os livros feitas por escrito nos blogs e partilhar todos os vídeos feitos para este projecto no final de todas as semanas. 

 

Vai existir uma leitura conjunta de Saramago. Ou seja, será criado um evento no Facebook onde todos podem falar sobre o livro que escolheram para o projecto e trocar ideias sobre o mesmo. É uma espécie de projecto dentro de outro projecto. Escolhi ler A Jangada de Pedra, outras pessoas escolheram Caim, mas estão livres para escolherem o que quiserem

 

Vamos ler e viver as palavras escritas pelos nossos. Ler os Nossos

Leituras de 2014 - Autores Portugueses

Dietas das Princesas de Catarina Beato

Nós Por Aí de Diogo Amaral

A Maior Flor do Mundo de Saramago

O Conto da Ilha Desconhecida de Saramago

Galveias de José Luís Peixoto

Terra do Pecado de Saramago

Uma Menina Está Perdida no Seu Século à Procura do Pai de Gonaço M. Tavares

Veneza Por Esperar de Rita Ferro

Levantado do Chão de Saramago

Manual de Pintura e Caligrafia de Saramago

Amores e Saudades de um Português Arreliado de Miguel Esteves Cardoso

Antídoto de José Luís Peixoto

Mãe Coragem de Paulo Sousa Costa

A Mulher do Legionário de Carlos Vale Ferraz

Viagem ao Fim do Coração de Ana Casaca

Amor entre Mulheres de Catherine de Vasconcelos

Morder-te o Coração de Inês Pedrosa

Um Homem Não Chora de Sttau de Monteiro

A Cabeça de Salomé de Ana Tavares

 

Preferidos

O Conto da Ilha Desconhecida de Saramago

Galveias de José Luís Peixoto

Veneza Pode Esperar de Rita Ferro

Dieta das Princesas de Catarina Beato

 

Desilusões

Um Homem Não Chora de Sttau Monteiro

 

19 livros de autores portugueses.

 

Leituras de 2013 - Autores Portugueses

autores.jpg

Ano Sabático de João Tordo

 

A Filha do Papa de Luís Miguel Rocha

 

No Meu Peito Não Cabem Pássaros de Nuno Camarneiro

 

É Bela a Puta da Vida de Miguel Esteves Cardoso

 

A Engomadeira de Almada Negreiros

 

Páginas do Páginas Soltas de Bárbara Guimarães

 

Seta Despedida de Maria Judite Carvalho

 

Enquanto Salazar Dormia de Domingos Amaral

 

A Última Canção da Noite de Francisco Camacho

 

Vento Suão de Rosa Lobato Faria

 

Guarda na Praia de Maria Teresa Gonzalez

 

Livro de José Luís Peixoto

 

Jerusalém de Gonçalo M. Tavares

 

Morreste-me de José Luís Peixoto

 

O Homem de Constantinopla de José Rodrigues dos Santos

 

A Porta Fechou-se e a Casa era Pequena de Ricardo Neves-Neves

 

Para Onde Vão os Guarda-Chuvas de Afonso Cruz

 

Dentro do Segredo de José Luís Peixoto

 

Uma Pedra Sobre o Rio de Margarida F. Santos

 

 

A Misteriosa Mulher da Ópera de vários

 

Preferidos

 

No Meu Peito Não Cabem Pássaros de Nuno Camarneiro

 

Para Onde Vão os Guarda-Chuvas de Afonso Cruz

 

Livro de José Luís Peixoto

 

Desilusões

 

Vento Suão de Rosa Lobato Faria

 

O Homem de Constantinopla de José Rodrigues dos Santos

 

Enquanto Salazar Dormia de Domingos Amaral Surpresas

 

A Misteriosa Mulher da Ópera de vários Ano Sabático de João Tordo

leitora beta * divulgação * literatura *

contacta-me para mais informações contactoclaudiaoliveira@gmail.com
guia-de-viagem-skyscrapper

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D