Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

amulherqueamalivros

INSPIRAÇÃO COM A PRIMAVERA

Projeto Primavera.jpg

 

 

Mesmo antes de abrir os olhos escuto os barulhos da rua. O chilrear dos pássaros, o som da chuva e do vento. Gosto de espreitar a janela enquanto bebo o meu copo de água e preparo a minha rotina matinal. Sinto que as minhas necessidades estão ligadas ao fluxo do universo. Mas não foi sempre assim. Normalmente consigo manter esta conexão durante o verão, mas nos meses mais frios afasto-me bastante deste ritual que tanto adoro.

 

Gosto de estar no meio da natureza, respirar ar puro. Sou menina para acampar, andar de chinelo no pé e desfrutar das férias no campo. Também sou menina da cidade, explorar jardins, encontrar a cultura e lugares para comer bem. Tenho espirito aventureiro, quero viajar muitos nos próximos anos. Gosto de parar cinco minutos para olhar o céu e sentir-me grata por estar viva. Confesso que ando cheia de vontade de fazer um retiro ou um encontro no meio da Natureza com outras pessoas. Alinhavam?

 

A Primavera começa no dia 20 de março pelas 16 horas. Juntamente com ela podemos criar laços com a Natureza e encontrar algum equilíbrio dentro da sua energia. Dar aquele travão necessário, relaxar, respirar fundo. Uma forma infalível para lidar com o stress. É exatamente isso que estou a precisar. Esta conexão faz parte da minha jornada.

 

Decidi aliar um projeto ao #club6am. Mas toda a gente pode fazer. Chama-se Projeto Primavera. É como uma lista inspiradora para os vossos dias aliada à chegada da Primavera. Cada passo está relacionado com um momento leve, ligada à natureza e à sua essência. Quem sabe não levem estas mudanças para o resto da vida ou encontram opções que desconheciam. Estou otimista, acho que alguns pontos me vão desafiar e trazer a oportunidade para descobrir facetas que desconheço.  

 

Vou focar a minha atenção nestes pontos ao longo desta estação, sobretudo ao longo dos trinta dias do #club6am. Mantenho alguns hábitos comigo desde sempre, outros estou a adquirir e outros quero começar a integrar e ver o que encontro.

 

Preciso de sair mais de casa ao longo do dia, após o trabalho. Preciso de aprender a gerir o stress, limpar a mente. Preciso de ser consistente nas minhas escolhas porque sou mais equilibrada dessa forma. Nada melhor do que abraçar a chegada da Primavera com afeto.

 

 

 

Projeto Primavera

 

Natureza | cuidar ou plantar uma planta

Meditação | cinco minutos de meditação

Alimento | uma refeição colorida e saudável

Diário | escrever pedaços do teu dia

Gratidão | agradecer o que tens

Afirmações | palavras de positividade

Olhar | reparar no que nos rodeia

Desconetar | sem tecnologias

Leitura | ler um livro

Ar Livre | explorar o campo

Mãos | trabalhos manuais

Som | apreciar os sons matinais

Cheiro | encontrar um cheiro reconfortante 

Caminhar | explorar um lugar desconhecido

Perdão | libertar a culpa

Renascer | dormir cedo e acordar cedo

Sustentabilidade | amigos do ambiente

 

Este projeto foi inspirado pelo livro Regenerar, do Lourenço de Azevedo e no livro Manhãs Milagrosas, de Hal Elrod.

 

 goodreads twitter instagram facebook wook

ACORDAR CEDO | 9 MUDANÇAS

InstaFit_20180310_11534626 (1).jpg

 Compra AQUI

 

Dez dias depois e já tenho várias coisas para vos contar. Refleti bastante antes de escrever este texto para não me esquecer de nada. E ao fim de trinta dias voltamos a falar. Quero que este texto seja essencialmente um relato real, que vos sirva para alguma coisa. Serve para eu fazer uma análise e identificar as mudanças na minha vida. É a resposta à pergunta: vale a pena continuar?

 

Acho importante respeitar a minha individualidade e ouvir o que o meu corpo pede. Hoje, por exemplo, não me levantei às seis. Com o curso cada vez mais exigente, e o inicio de um projeto pessoal senti necessidade de ficar a descansar mais uma hora. No entanto, preparei uma refeição saudável. Não senti nenhuma espécie de remorso por não seguir o plano, porque respeitei a minha individualidade, ouvi o meu corpo.  É importante para mim. 

 

Posto isto, vamos lá. Quais foram de facto as mudanças nestes dez dias desde que comecei a acordar mais cedo?

 

- Comecei a fazer exercício

Precisava urgentemente de mexer os meus músculos. Quero fortalecer o corpo e atenuar as dores de coluna. Desde o ano passado que sofro com tendinites resultante da minha vida profissional desde os 22 anos. A minha osteopata disse-me que devia continuar com o exercício para não sofrer as consequências mais tarde, sobretudo com alongamentos. Parei de fazer exercício o ano passado devido a vários fatores, mas com o abandono tirou-me o foco. O exercício para além de fazer bem à saúde, ajuda-me a alimentar melhor, dá-me foco e permite-me levar a vida de forma mais leve. Está tudo ligado. A verdade é essa. Agora consigo fazer alongamentos (passo o dia sem dores), faço também exercício para começar a tonificar e fortalecer os músculos.

 

- Sinto menos sono

Ao contrário do que eu esperava passei a sentir menos sono ao longo do dia. Andava a beber demasiado café, agora estou a beber apenas dois por dia. Um de manhã, outro depois de almoço. Esporadicamente bebi um antes de ir para o curso. Fico mais ativa e energética. Já não sinto necessidade de dormir aquela sesta habitual de meia hora antes de ir para o curso.

 

- Durmo melhor

Sempre tive problemas para dormir. A minha vida inteira. Sabem quando vocês não param de pensar em mil coisas ao mesmo tempo? Sou essa. A minha mente não descansa, sinto-me esgotada, durmo aos bocadinhos

 

- Poupo dinheiro

Eu digo que está tudo ligado, não acreditam? Com mais tempo, mais foco, tenho mais tempo de dedicação para preparar as marmitas. Estes dias nunca mais fui comprar o pequeno-almoço ao café. Poupei uns trocos. E já consegui fazer quatro receitas saudáveis para implementar na minha rotina.

 

- Alimento-me melhor

No seguimento do ponto anterior, comecei a procurar por alimentos mais saudáveis e encontrar receitas mais saudáveis para continuar com energia. Levo marmitas, preparo as refeições com cuidado e sinto mais entrega da minha parte.

 

- Explorar a Meditação

Ainda estou a dar os primeiros passos em relação à meditação. Para mim ainda está a ser uma descoberta. Eu adoro explorar, aprender e reconheço os benefícios desta prática diária. Acordar e limpar mente é essencial para enfrentar os dias stressantes de hoje. Acalma a alma, o peito. Presumo que tenho ainda muito para explorar nos próximos dias.

 

- Menos stress

Fazer as coisas com mais calma pela manhã deixa-me menos stressada.  E os meus filhos notam, não precisamos de engolir o pequeno almoço, lavas os dentes a voar e dá tempo para mais abraços e beijinhos. Uma mãe stressada de manhã é esgotante para todos, não é verdade?

 

- Ler

Ler de manhã deixa-me feliz. Adoro acompanhar a leitura com um chá. É aquele momento especial cheio de amor por mim e pelos meus livros. Não vive sem a leitura, é onde encontro o meu equilibro e aquela paz que só os livros (e o cheiro dos meus filhos) me traz.

 

- Desconetar-me para conectar-me

Ligava a internet assim que acordava. Às vezes, confesso que ainda o faço. Quero responder aos comentários ou comunicar com as outras pessoas que de outra forma não consigo. No entanto, agora com esta nova rotina matinal prefiro sair da cama e ir para o meu cantinho conectar-me comigo mesma.

 

Sem extremismos, sem nenhum sentimento de culpa, esta rotina é para trazer coisas boas à minha vida. Respeito pelo minhas escolhas, preferências e gostos particulares. O livro Manhãs Milagrosas foi um ponto de partida, serviu de orientação que me ajudou a despertar para um caminho que vou percorrer e decidir o que funciona comigo e o que não funciona.   Espero ter contribuído para desviar o medo de começar, e mostrar que em dez dias vi os benefícios que ansiava desde o começo do ano. Mas ainda está a valer, a Primavera está a chegar.

 

 goodreads twitter instagram facebook wook

PARA QUEM VAI PARTICIPAR NO #CLUB6AM ( OU #6AMCLUB)

InstaFit_20180313_13563312.jpg

 

Nunca pensei que tanta gente quisesse mudar os seus hábitos. Nunca pensei que partilhar esta mudança na minha vida trouxesse tantas histórias e inspiração. Eu estava realmente reticente, muito reticente. Foi a medo que revelei nos Instastories o que andava a fazer. Mas não estou sozinha.

 

Algumas já acordam a esta hora, outras querem começar a ler depois de serem mães, algumas querem começar a fazer exercício ou ter motivação. É este o fascínio que encontro em continuar a escrever e partilhar no blog/canal. Eu acredito que podemos moldar os nossos hábitos e criar novos hábitos. É como sair da toca, aprender a andar. No inicio damos tudo, depois acaba enraizado.

 

Estou no nono dia desta nova rotina matinal, mesmo com frio e chuva, o corpo começa a encontrar o seu novo ritmo. As dores que sinto no corpo devido aos exercícios deixam-me feliz. Há demasiado tempo que não exercitava o meu corpo. Ele bem que se queixava, gritava por alongamentos e exercícios para tonificar. Deixem chegar o bom tempo, é ver-me de patins nos pés a abraçar o sol pela manhã.

 

O medo de começar. É esse o maior obstáculo colocado por nós mesmas. Mas não devemos ter medo quando os benefícios são maiores, não é verdade? Tentar não custa, só para ver se realmente vale a pena, se vemos diferenças na nossa vida. São apenas trinta dias. Entreguem tudo. Sem medos. O pior que pode acontecer é ficarmos a dormir.

 

Recebi um comentário com um aviso em relação às doenças devido à privação de sono.  Segundo estudos devemos dormir sete horas. Deve ser levado em conta, mas presumo que vocês saibam disto, não é? Também já vi que isso é mito, o meu médico diz o mesmo. Depende de cada organismo e das suas necessidades. Apesar sermos responsáveis e adultos fica a sugestão para moldarem a vossa rotina noturna de forma a não sentir cansaço, nem ficarem doentes.

 

Pessoalmente não sinto necessidade de dormir sete horas todos os dias. Depende do ritmo do meu dia. Como as aulas terminam tarde nem sempre é possível dormir às dez. No entanto, cheguei a dormir dez horas e passar o dia muito cansada. Também dormi, durante muito tempo, oito horas mal dormidas quando os meus filhos eram mais pequenos. Recomendo que leiam este livro porque ele também dedica uma parte à importância da alimentação. Está tudo relacionado.

 

Outra recomendação é a hidratação assim que acordam. Bebam água. Eu lavo o rosto com água fria e bebo um copo de água, sinto-me logo pronta para realizar os seis passos. No momento da leitura bebo um chá. Tem sido muito proveitoso ler de manhã. Adaptem os passos, mudem o tempo, a ordem, retirem um, coloquem outro.

 

Esta partilha teve uma motivação: motivar alguém. Seja para começar a ler, escrever aquele livro no fundo da gaveta, caminhar. Algo bom, cultivar bons hábitos. Reclamar é fácil, dizer que não temos tempo também, mas precisamos de ter noção que podemos mudar um bocadinho. Não cair no erro de assumir que temos de fazer o mesmo durante toda a nossa vida. Relembrando, obviamente, das realidades diferentes de cada um. Acho que não preciso de estar sempre a dizer isto, mas de vez em quando recebo comentários tão rudes que fico perplexa.

 

Vamos malta, preparem o vosso caderninho ou agenda, vamos fazer algo por nós.

 

 

goodreads twitter instagram facebook wook

DESAFIO 30 DIAS | #CLUB6AM

InstaFit_20180310_11534626.jpg

 

Quem nunca sentiu sentiu vontade de mudar alguma coisa? Quem nunca sofreu com falta de gestão de tempo e necessidade de alterar hábitos? Quem sempre quis começar a fazer yoga e meditação, mas acaba por deixar para outro dia? Quem sempre quis ser mais organizado e produtivo?

 

Esta manhã falei sobre isto no Instastories e lancei o desafio, trinta dias a acordar às seis da manhã. É isso mesmo. Inspirada no livro "Manhãs Milagrosas" decidi experimentar o método sugerido pelo Hal Elrod e estou apaixonada pelos meus dias. Nunca pensei dizer isto, mas este livro mudou parte da minha vida. Para melhor!

 

Andava triste porque não conseguia acrescentar a meditação e exercício na minha vida, queria mudar isso. Janeiro e Fevereiro passaram e nada de mudanças benéficas. Os dias estavam totalmente cheios, fazia várias coisas, mas não estava a resultar porque dormia muito mal, passava os dias muito agitada e às vezes mal humorada, com a mente a mil.  O exercício faz-me tanta falta. Desta forma comecei a comer mal. Enfim, uma bola de neve. Precisava de mudar alguns hábitos: alimentação, exercício e dormir melhor. Já vos tinha dito que não sou preguiçosa, nem mulher de dar desculpas. Nunca em toda a minha vida vão ouvir-me dizer: não tenho tempo.

 

Da mesma forma que assumo a responsabilidade pelo meus atos, também assumo que quando algo corre mal a culpa é minha. Ou seja, tenho o poder de mudar ou melhorar a gestão do meu tempo. Felizmente este livro apareceu no momento certo. Acredito bastante que os livros atravessam no nosso caminho quando estamos predispostos a receber algo. Energia, eu acredito na energia do Mundo. Eu estava decidida a mudar. 

 

A ideia deste livro é tirares 60 minutos da tua manhã para realizares seis passos. Esses passos são importantes para encontrares um equilíbrio, introduzires a meditação, exercício, leitura na tua vida. Desta forma, se leres 15 minutos por dia vais conseguir ler cerca de 18 livros por ano, tens noção? Acabou-se a frase: não tenho tempo para ler. São 15 minutos! Quem é que não tem 15 minutos se deixar alguma coisa menos importante de lado?

 

Recomendo que vejas estes os dois vídeos: 

 

 

Os seis passos são explicados no livro com detalhes, o desafio tem a duração de trinta dias. Segundo o autor só custam os primeiros dez dias, depois ficamos habituados. Também é importante fazer no fim de semana. Vamos?

 

Eu lancei o desafio de fazermos isto juntas. Pretendo criar um grupo no whasupp para picarmos o ponto e partilharmos a experiência umas com as outras. Nunca pensei que alguém mostrasse interesse, mas a verdade é que existem pessoas interessadas em participar. Podemos gerir as tarefas da forma que acharmos mais conveniente, alterar a ordem, como quisermos. Sugiro que arranjem um caderno e caneta para este desafio, vão precisar. Posso partilhar como tenho feito, como comecei a comer melhor e a sentir mais energia.

 

A ideia é começar de forma oficial dia 19 de Março. Para dar tempo para lerem o livro, verem o meu vídeo (pretendo fazer um vídeo sobre este desafio na próxima semana), verem estes vídeos e tirarem as dúvidas. 

 

Os seis passos são:

- exercício (20 minutos)

estou a fazer abdominais, alongamentos para a coluna, yoga

- silêncio (10 minutos)

meditação, vou seguir o livro "o mu guru", um livro de bolso com mais de 100 exercícios de meditação

- leitura (15 minutos)

estou a ler poesia (quando faço mais exercício) e um clássico (quando tenho os 15 minutos)

- afirmações (5 minutos)

escrevo várias frases positivas de compromisso comigo mesma

- visualizações (5 minutos) 

esta técnica ainda está em desenvolvimento, mas é simples, vejam no vídeo

- escrita (5 minutos)

uma espécie de diário e organização da minha agenda

 

Acreditam que já consegui preparar o almoço ao mesmo tempo? Acreditam que comecei a sair de casa com outra disposição? Acreditam que os meus filhos também sentiram os beneficios de terem uma mãe menos stressada de manhã? Várias pequenas mudanças que mudaram imenso. Até a minha coluna anda mais contente. 

 

Se quiserem fazer parte digam-me algo no instagram ou msn. Vou criar a conta no whatsapp, o grupo está a ficar composto. No grupo a ideia é dizermos bom dia assim que sairmos da cama, e irmos dizendo como está a correr e colocarmos dúvidas. Não é para ficarmos a manhã na conversa e deixar as tarefas para segundo.

 

Eu estou a usar uma tabela de hábitos onde coloquei os seis passos e risco quando as realizo. Ajuda-me a organizar o desafio. Deixei de ter o péssimo hábito de ligar a internet logo que acordava e gastar alguns minutos nisso. Ou seja, este livro realmente mudou a minha vida (ou parte dela). 

 

Podes comprar AQUI

 goodreads twitter instagram facebook

leitora beta * divulgação * literatura *

contacta-me para mais informações contactoclaudiaoliveira@gmail.com

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D