Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

amulherqueamalivros

Banner billboard da campanha 50% desconto desenvolvimento pessoal
Sex | 26.12.14

TAG Original: Consegues cumprir desafios literários?

Cláudia Oliveira

TAG Original
1- Quais os desafios a que te vais propor em 2015?
2- Qual o desafio literário que ,ais te chama atenção mas não consegues aceitar?
3- Achas que os desafios literários ajudam ou prejudicam?
4- Consegues cumprir os desafios literários a que te propões?
5- O que fazes para te organizar?
6- Onde registas os desafios literários?

Canal citado
Aline Aimee
https://www.youtube.com/lineaimee

As Bastardas
http://asbastardas.blogspot.com/

 

Ter | 23.12.14

Os Livros do Final da Tua Vida | Will Schwalbe

Cláudia Oliveira

Hoje acordei às cinco da manhã por culpa do meu filho. Quando ele voltou adormecer, decidi terminar a leitura do livro “Os Livros do Final da Tua Vida”. Faltavam pouco mais de quarenta páginas para terminar. Estou super entusiasmada. Acabei de ler um livro fantástico que gostava que toda a gente lê-se. Apetece-me oferecer este livro pelas pessoas na rua. Juro.

 

17799538_T2Wgf.jpeg

 


transferir (2).jpg

Tem uma capa bonita. Eu gosto imenso. E o título é o culpado pelo meu interesse desde o primeiro minuto que os meus olhos viram este livro. Um livro sobre livros, como ignorar?

17799541_8zcob.jpeg

 


Um livro de não-ficção. Mary Ann é diagnosticada com cancro. Ela e o seu filho partilham a paixão pelos livros e sem darem conta criam um clube de leitura entre os dois. Nos últimos meses de vida de Mary Ann ambos vão trocar livros, ideias e histórias.

 

17799543_ZWBSn.jpeg

 

Will escreve este livro de forma a homenagear a sua mãe. Uma mulher solidária, bondosa e com uma forma de ver a vida que admiro. É realmente uma mulher especial. Ao longo do livro, a forma como Mary se preocupa com os outros fez-me pensar. Como é que uma mulher com pouco tempo de vida ainda consegue pensar nos outros? Mary parece uma personagem de um romance, mas não, ela realmente existe.
A ligação entre mãe e filho é muito bonita. Sensibilizou-me várias vezes. E aquele final que me meteu quase a chorar? As conversas sobre livros são as minhas partes preferidas. São citados autores conhecidos por muita gente, e um dos meus preferidos é citado diversas vezes, Somerset Maugham. Fiquei com uma vontade doida de ler alguns dos escritores citados.


A leitura une os leitores. Um livro sobre livros bastante sensível e bonito.

17760625_omVcj.jpeg

 


Mary tem cancro, cria um blog para dar notícias sobre a evolução da doença à família e amigos. Ela é uma mulher incrível. Sabem aquela pessoa que gostavam que fosse da vossa família? Mary Anne é assim.

17799551_a6scn.jpeg

 


Antes de terminar as últimas quarenta páginas, dei quatro estrelas ao livro. Mas fui rectificar. Cinco estrelas. Um livro inspirador, tocante e magnífico sobre o quanto o amor pelos livros pode unir as pessoas.

Sab | 20.12.14

TAG: Retrospectiva Literária Sensual

Cláudia Oliveira

A tag foi criada pela Michelle do blog Resumo da Ópera.

A capa do ano
“O Pintassilgo” de Donna Tartt. Adoro a subtileza desta capa.

O título do ano
“A Peregrinação do Rapaz sem Cor” de Haruki Murakami. Adoro este título. E está muito bem explicado.

A surpresa do ano
“Uma Duas” de Eliane Brumm. Que autora, meu deus! Escreve incrivelmente bem!

A decepção do ano
Talvez por estar à espera de mais, apesar de não ser um mau livro, escolho “A Festa da Insignificância” de Kundera.

A série do ano
Não li. Nunca leio séries.

O livro nacional do ano
“Galveias” de José Luís Peixoto. Um livro novo deste autor é sempre bem-vindo. Um presente.

O autor do ano (um que você tenha lido pela primeira vez neste ano)
Eliane Brum.

A pechincha ou a raridade do ano
“Os Livros do final da tua vida” de Will Schwalbe. Foi oferta, na compra de outro livro na Fnac online. Promoção ainda em vigor.

O melhor desfecho
“O Lobo de Wall Strett” de Jordan Belford.

O protagonista masculino do ano
Park de Eleanor&Park. Não dá para ficar indiferente a este personagem.

O protagonista feminino do ano
Sayuri de “Memórias de Uma Gueixa” de Arthur Golden. Uma guerreira.

Personagem coadjuvante masculino
Levin de “Anna Karenina” de Tolstoi. Adoro a evolução deste personagem.

Personagem coadjuvante feminino
Posso dizer a Morte do livro “A Menina que Roubava Livros” de Markus Zusak?

O pior do ano
“Uma Mulher Má” de Marc Pastor. Seca de livro.

O melhor do ano
“O Pintassilgo” de Donna Tartt. Sem dúvida!

Sua meta 2013 foi cumprida?
Sim, li mais de 60 livros.

Qual é a sua meta para 2014?
Estabeleci várias metas:
– escrevi um post sobre os desafios literários para 2014.

- ler pelo menos 60 livros.

- ler mais calhamaços e clássicos.

– comprar menos, ler mais a pilha que tenho.

-  escolher melhor. Esta é a meta principal. 

Sex | 19.12.14

O que vou ler até ao final do ano?

Cláudia Oliveira

Até ao final do ano, faltam doze dias. Doze dias rápidos, com a correria do natal. Vou ter uns dias de férias, para terminar as tarefas inacabadas. Detesto deixar assuntos por resolver de um ano para o outro. Portanto, como quero começar o ano limpa e fofa, tenho muita roupa para passar a ferro. Ler e passar a ferro são actividades incompatíveis. A ver vamos. Os objectivos literários para estes últimos dias de 2014 são: terminar “Os Livros do Final da Tua Vida” de Will Schwalbe, gravar vídeos para o canal, ler para a leitura conjunta das meninas do blog As Bastardas ( www.asbastardas.blogspot.com) o livro esgotado “Sartre e Beauvoir” de Hazel Rowley, e, na loucura, começar a ler um livro ainda a decidir da minha estante.

Mês fechado, pronta para 2015 cheia de projectos e ideias.

Pág. 1/4