A subtileza de olhar para mim e não pedir desculpa

Sem medos, faço 35 anos. Festejei sempre o meu aniversário com um sorriso largo, e hoje não é exceção. Com uma ligeira borboleta esvoaçante no estômago. Coloco-me a pensar na…

More Detail