Publicado em Deixe um comentário

“A Mulher Má” de Marc Pastor | Impressões às primeiras quarenta páginas

Gosto do título. Todos os títulos com as palavras: “mulher, menina, rapariga” são motivos para eu comprar o livro. Sério. Coisa esquisita, eu sei. Não fosse o meu canal chamado A Mulher que Ama Livros. Em Novembro comprei A Mulher Má e A Mulher Louca. Decidi-me pela má primeiramente.

Assim que comecei a ler encontrei outro escritor. Recordei-o. A escrita de Carlos Ruiz Zafón, como anuncia a capa “para os fãs de Carlos Ruiz Zafón”. Poética, misteriosa, com um toque humorístico e sombrio.  

A história é inspirada na história verídica de uma serial killer chamada Enriqueta Mari. A narrativa alterna entre o discurso na primeira pessoa e o discurso de um narrador omnipresente. Pode parecer um bocado confuso mas depois do segundo/terceiro capítulo torna-se mais perceptível.

Estou a gostar. Espera-me um livro diferente do que tenho lido. 

transferir (2).jpg

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.