A palavra que eu escolhi para 2019

No inicio deste ano foi assim, ler AQUI. Todos os anos escolho uma palavra para comandar o meu ano e focar todos os meus objetivos. Em 2018 quis ARRISCAR,  nos meus projetos, desenvolvimento pessoal e relações. Encaixou perfeitamente com os meus princípios e necessidades. A vida também me empurrou para caminhos desconhecidos. O adjetivo que melhor carateriza o meu ano é INTENSO. Arrisquei com fartura, dentro da minha realidade.

 

 

Como é que chego à palavra do ano?

 

Escrevo numa folha em branco os meus planos gerais. Palavras soltas, metas e desejos. Enumero as minhas falhas e o que pretendo melhorar.  Trilho uma ideia do que será o próximo ano e dos desafios que terei pela frente. Olho para os meus objetivos a curto prazo e metas. No final, faço uma ligação entre todas estas ideias e chego a uma única palavra.

 

 

Por exemplo: Tendo uma família numerosa, com a aquisição de um carro novo e novas despesas, preciso de poupar dinheiro. Também regresso ao emprego no próximo ano no segundo semestre. Sendo um ano com grandes mudanças a nível pessoal e financeiro, preciso de encontrar um equilíbrio a vários níveis.Escrevi palavras como: mudança, economias, despesas extra, estudo, família numerosa, etc…E voilá, fez-se luz.

 

 

A palavra que eu escolhi para 2019 é GERIR. Gerir emoções. Sabemos perfeitamente que cuidar de crianças pode ser um trabalho emocional desgastante, entre altos e baixos.  Vou precisar de manter o equilíbrio mental e físico. Vou precisar de GERIR bem  despesas desta família que duplicaram. GERIR o meu plano financeiro, a poupança, o supérfluo do essencial. Vou precisar de GERIR os meus dias e noites. GERIR, sem cair em exageros. Voltar à vida, trabalho – casa, e gerir as emoções que tal acarreta. Já passei duas vezes por isto e sei que enfrento sempre alguns obstáculos no regresso à empresa.  A vida muda, é inevitável mudar com ela. GERIR as minhas necessidades pessoais, a vontade de estudar com a vida familiar. GERIR, o foco do próximo ano será este.

 

 

Estou calma em relação aos desafios. Quero viver dia após dia, sem grandes expectativas ou alarmes. Sem esquecer que tudo passa, é relativo, e que para cada problema/obstáculo existe uma solução. Venha 2019!

Pode também gostar de...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.