“A Sangue Frio” de T. Capote

Pode também gostar de...

2 comentários

  1. Olá, Cláudia

    Saudações desde São Paulo, Brasil

    Por meio de uma relação de sítios em outra página, cheguei aqui e achei muito simpático o seu blog. Parabéns!
    Os autores comentados por você estão entre os mais relevantes da literatura universal contemporânea ou de outras épocas.
    Chamou-me a atenção, igualmente, a relação de escritores brasileiros aqui presente – isso é ótimo e reforça os laços tão importantes da lusofonia que nos unem. Eu também tenho grande apreço e admiração pela rica tradição da literatura portuguesa.

    Vi o seu vídeo, de três anos atrás, a respeito da obra-prima do Capote. Tenho total concordância com a sua resenha. Acabei de ler “A sangue frio” há poucos dias; foi muito interessante ver como o autor contrapõe a repulsa de qualquer pessoa diante da ação dos criminosos, que é a primeira reação que qualquer um teria, com a análise que ele faz das condições sociais e das contradições culturais, religiosas, jurídicas e na estrutura da família, que criaram as condições para o gesto extremo que é o motivador do romance.

    Vida longa para o seu blog!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.