Comprar livro

 

Editorial Presença

 

Lançamento Novembro 2018

 

 

O que acontece quando um filho se perde no mundo da droga? David contou na primeira pessoa a história da luta que travou dentro da sua própria casa, com o seu filho mais velho, o Nic.

 

 

Já viram quem está na capa deste livro? Os atores Steve Carell e o Timothée Chalamet do filme Querido Menino, nos cinemas desde o dia 29 de novembro. Presumo que seja um filmaço, uma adaptação fabulosa. Preciso de ver!

 

 

Este livro foi difícil de ler. Não foi culpa da narrativa, foi o tema que mexeu comigo. É um assunto perturbador e pesado. Uma carga negativa, com algumas nuances de esperança. Pensei muitas vezes, e se fosse comigo, teria forças? O objetivo do autor em expor esta história foi dar alguma esperança a famílias com casos similares. David Sheff acabou por receber inúmeras cartas de famílias que se reviram na sua perseverança.

 

 

David também teve um passado ligado às drogas. “Talvez devesse ter mentido ao Nic e mantido o meu consumo em segredo, mas não o fiz. Ele sabia a verdade.” E por ter uma relação baseada na verdade, achou que o Nic lhe contaria se experimentasse drogas. Mas não foi bem assim.

 

 

Tudo começou na adolescência, quando “…toda a gente bebe. Toda a gente fuma…”. E apesar do seu excelente desempenho escolar, Nic acabou por experimentar marijuana por curiosidade, numa tentativa de integração. “…Mostrar-lhes um caminho melhor é preferível do que forçá-las”. A marijuana tornou-se num hábito e acabou por experimentar drogas mais pesadas. “Quase toda a gente que conheço que fumou erva no liceu experimentou outras drogas”,

 

 

Nic acabou por frequentar clínicas de reabilitação várias vezes. Fugiu, desistiu, voltou, e repetiu tudo várias vezes. Meteu a família desesperada sempre que desistia e não superava o vicio. Quando desaparecia sem avisar onde estava, quando telefonava a pedir ajuda. David nunca desistiu do filho. A sua vida girou em função de salvar o Nic. Batalhou contra os problemas físicos, psicológicos e sociais que Nic enfrentou. Esteve sempre do seu lado, mesmo quando o mandou procurar ajuda porque já não sabia o que fazer.

 

 

É um livro com uma carga emocional pesada. Uma chamada de atenção, um tema que não pode ficar em silêncio. Recomendo muito.