Publicado em 3 comentários

Um pouco de cinema com… A Vida Secreta dos Nossos Bichos

 

 

 

 

A Vida Secreta dos Nossos Bichos estreou na passada quinta feira. Já foi visto por mais de 42 mil espectadores. O filme foi realizado pelos mesmos criadores dos Gru – O Maldisposto (2000) e Gru – O Maldisposto 2 (2013). Os famosos bonecos amarelos têm uma participação especial neste filme logo no inicio. Para matarmos um bocadinho das saudades.

 

 

Esta animação passa-se no centro de Manhattan, os animais ficam sozinhos depois dos donos saírem para o emprego. Max é o cão protagonista desta história. Ele vê o seu espaço ser invadido quando a sua dona decide levar outro cão para casa. Numa tentativa de se livrar do seu novo companheiro, começa uma aventura.

 

 

O filme está muito engraçado, dei valentes gargalhadas. Consegue captar os traços principais dos animais domésticos. A relação entre os donos e os animais podia ter sido um bocadinho mais explorada. Também acho que a mensagem perde-se no meio do enredo, mas vale a pena pelo entretenimento.

 

 

 

Gostei bastante das vozes dos actores escolhidos, sobretudo do actor Kevin Hart (dá a voz ao coelho). É um coelho cheio de carisma, o meu personagem preferido neste filme.

 

 

Não superou a animação  Zootopia, também ele com um coelho, mas super recomendo que vejam com a família. As crianças vão certamente adorar e se tiverem animais de estimação vão identificar-se.

 

 

 

7/10*

 

Publicado em 2 comentários

Veja Mais Mulheres | My Beautiful Broken Brain | Sophie Robinson e Lotge Sodderland

Ouvi falar neste documentário através da Tatianne Dantas. Tem sido uma excelente e agradável troca de sugestões cinematográfica para o projecto Veja Mais Mulheres. Obrigada! O documentário My Beautiful Broken Brain (7.2 IMDb) está disponível na Netflix para quem estiver interessado.

 

 

Lotge Sodderland sofre um derrame hemorrágico com 34 anos e sobrevive. No entanto, a visão e a audição sofrem danos. Assim como  o seu conhecimento em relação as palavras. Ela tem de volta a aprender a ler e a escrever.

 

 

Este documentário coloca vários questionamentos interessantes e profundos. É aquele documentário que mexe com as emoções. Perturba. E nos deixa eternamente agradecidos por nunca termos passado por uma situação do género.

 

 

O documentário é dirigido pela própria Lotge  Sodderland e pela Sophie Robinson.

 

 

Aqui fica uma sugestão sobre um site dedicado à mulher no cinema. Mulher no Cinema (clica para veres!). Não faltam sugestões interessantes.

 

 

Cinema em Casa

 

Directora: Sophie Robinson e Lotge Sodderland

 

Ano: 2014

 

Duração: 1 hora e 26 minutos

 

Género: Documentário