DEDO 13 | Chimamanda e Nabokov

Já li cerca de 80 paginas de Lolita. Quero ler tudo deste autor. Fiquei feliz por descobrir várias obras de Vladimir Nabokov na biblioteca. Escreve tão bem, estou realmente impressionada. Este livro não é para estômagos sensíveis. 

 

Embarquei em mais uma leitura no Kobo e acabei cerca de meia hora depois. Todos Devemos Ser Feministas, de Chimamanda Ngozi Adichie, um ensaio pessoal da autora numa conferência. O que é que o feminismo significa hoje em dia? Tenho bastante curiosidade acerca do assunto, após a leitura deste livro fiquei com vontade de saber mais e mais. Depois deste ebook, fui agarrar-me a outro da mesma autora. A Cor do Hibisco, o seu primeiro romance. Já li cerca de quarenta páginas e estou encantada. É tão bom encontrar escritoras que nos aquecem o coração com a sua escrita. Já tinha tentado ler Meio Sol Amarelo, quando o fiz não estava no clima e acabei por abandonar o livro antes de chegar às cem páginas. Pretendo ler as obras da Chimamanda por ordem cronológica. 

 

Ontem anunciei o clássico para Novembro. Vi que algumas pessoas ficaram interessadas em ler o livro também. Tão bom! Obrigada por fazerem deste Clube dos Clássicos Vivos algo que vale a pena. Também percebi que quem anda a ler Jane Eyre está entusiasmado e feliz pela escolha. 

 

 

10 Replies to “DEDO 13 | Chimamanda e Nabokov”

  1. Que bom que gostaste do Nabokov! Não é um autor fácil e muita gente nem passa da Lolita…É um dos meus eleitos e lê-lo é sempre uma emoção, especialmente porque encontra-lo a preços decentes é dificílimo.

  2. O Lolita é acessível, pelo menos que me lembre…Já o li há um bom tempo. O Fogo Pálido é mais alucinado (não é um romance). Houve um que me levou alguns meses a acabar…Claro que não me arrependo, é mesmo um autor genial. Também comprei a esse preço na FL, tem uma capa amarela…Em segunda mão vão aparecendo, tem de se ter sorte. Sempre acrescenta um toque de emoção xD

  3. É uma amarela…Um bocado do livro é um poema e outro bocado é a análise do mesmo. Não é nada que seja fácil de explicar assim…É tão bom! Há aqueles autores que gostamos e depois aparecem estes que ficam para vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.