Estou a coçar-me enquanto escrevo este post. Não há tempo, não há vontade, não há cabeça para a vida de antes. Estou numa roda viva. E não vejo fim para tão breve. Tenho sorte porque algumas pessoas me ajudaram nesta etapa complicada.