Publicado em 2 comentários

Do livro A Cor do Hibisco,de Chimamanda Ngozi Adichie

“Queria deixar Papa orgulhoso e tirar notas tão boas quanto as dele. Precisava que ele tocasse a minha nuca e afirmasse que eu estava a realizar o propósito de Deus. Precisava que ele me abraçasse com força e dissesse que muito é esperado daqueles que muito recebem. Precisava que ele sorrisse, daquele jeito que iluminava seu rosto e aquecia algo dentro de mim. Mas eu ficara em segundo lugar. Estava maculada pelo fracasso.”

 

2 comentários em “Do livro A Cor do Hibisco,de Chimamanda Ngozi Adichie

  1. Oi, Cláudia!

    Que quote bonito, triste mas bonito. Aqui na minha cidade está ocorrendo, todos os meses, encontros literários para ler mais mulheres. O livro da vez é exatamente esse, achei bacana a coincidência. 🙂

    Beijo,

    Samantha M.
    WMB

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.