IRMÃS DE LETRAS | “ESCRITO NA ÁGUA”

 

 

 

Sinceramente ainda estou indecisa em relação a estas duas capas. Não sei qual é a minha preferida. Adoro as letras de ambos os títulos. A portuguesa tem tons verdes, remetem a um rio sujo, com lodo e misterioso. Parece-me um corpo perdido ou a entrar na água. Não dá para entender muito bem. Talvez tenha informação a mais, como as frases ligadas ao marketing. Diz num símbolo amarelo que é a primeira edição, própria para coleccionadores. Nunca tinha visto nada deste género. A capa inglesa é bonita, mas menos misteriosa. É mais limpa, sem frases. Vê-se uma pessoa reflectida em cima do título. Acho que vou escolher a portuguesa. De acordo com a sinopse parece-me mais apropriada. Foi um excelente trabalho por parte da editora Top Seller. O que vos parece?

 

Já tenho o livro (prenda dos filhos no dia da mãe com um dedicatória linda na última página) e pretendo ler ainda este mês. Entretanto, li a sinopse e fiquei curiosa. Talvez não seja o livro certo para oferecer a uma mãe de dois bebés. Digam-me, estão curiosos? Leram o primeiro sucesso da autora? Li e não amei. Descobri com muita facilidade o desfecho do livro. Prefiro o filme, por exemplo. Mas nenhum é extraordinário. 

 

“Irmãs de Letras” é a rubrica relacionada com a comparação de capas do mesmo livro para além de pequenos apontamentos sobre os autores e livros escolhidos. Uma leve discussão sobre as preferências de cada um. Afinal, os gostos discutem-se? Dá inicio hoje e espero que fique connosco por muito tempo. 

 

 goodreads twitter instagram facebook

Pode também gostar de...

6 comentários

  1. Eu tinha a versão semelhante à capa portuguesa do The girl on the train, mas emprestei o livro e nunca mais o vi. Entretanto comprei a capa rija, em tons de preto, versão americana e não gosto tanto da da topseller. Relacionando com o título, prefiro a capa em tons de azul e provavelmente vou acabar por comprar essa. Quero muito ler o livro, gostei bastante do The girl on the train e gostei também do filme! Tenho um certo receio de ter expectativas a mais e depois a história não ser nada de especial, coisa que tem acontecido frequentemente ultimamente 🙂 Gosto bastante desta comparação de capas, não tinha ainda dado pela rubrica!

  2. A rubrica ainda é bebé. 🙂
    Algo que sempre quis fazer e gosto. Fazer comparação das capas e falar no trabalho das nossas editoras.
    Não estou com grandes expectativas. Espero apenas surpreender-me e verificar o crescimento da autora.

  3. Gostei muito deste género de post.
    Também prefiro a capa da edição portuguesa. Tirava-lhe era o excesso de frases que mencionas bem como o símbolo a amarelo.
    Li o livro anterior. Gostei embora não tenha adorado. No entanto, levou-me a ter vontade de ler este novo livro.
    Achei que o filme estava muito bem conseguido.
    Beijinho

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *