Raramente. Nos dois primeiros meses consegui. Agora não. Ele pede mais colo. Ele chora mais. Ele está mais tempo acordado. Eu tenho outras mil coisas para fazer, não fico à espera da próxima mamada sentada. Eu adoro ler, infelizmente esse prazer teve de ficar um bocado de lado devido às circunstancias da vida. Não faz mal. Tenho pena mas aguento. As prioridades mudaram, é natural. Como é que eu tenho feito para avançar no livro da Isabel Allende? Tenho adormecido o Gustavo por volta da uma e fico acordada até às três a ler. Tem funcionado. Naquelas duas horinhas leio ou vejo televisão. Sabe tão bem. Eu, no escuro, de caneca e livro na mão. Um de cada vez. Mais umas noites e termino o livro.