Lista | Livros que muito poucos conseguem terminar

 

Podem ler AQUI

Pode também gostar de...

15 comentários

  1. Abandonei varias vezes Moby Dick na adolescência. Graças ao Clube dos Clássicos vivos li até ao fim. Acredito que não é preciso hábitos de leitura para não abandonar. Leio imenso e já abandonei vários livros. Tem mais a ver com a altura… digo eu.

  2. O que eu queria dizer é que esses da lista (dos que conheço) não me parecem que sejam difíceis ou aborrecidos a esse ponto…Orgulho e Preconceito? Só pode ser mau gosto xD

  3. Eu gostei do Orgulho e Preconceito, mas concordo parcialmente com a inclusão nesta lista. Li-o com 14 anos e achei-o um bocado parado, não despoletava aquele entusiasmo que nos faz querer avançar. Se calhar, se fosse agora, 4 anos depois, gostava mais.
    Concordo com a Cláudia Oliveira quando diz que cada livro tem a sua altura.

  4. Tb não é dos meus preferidos dela…Mas continua a achar exagerado rotula-lo de aborrecido (ou difícil) especialmente quando comparado com outros que ai estão…A Piada Infinita é um tijolo com mais de mil páginas. Tb deixo imensos para trás, quando não gosto nem continuo depois xD

  5. Tadinho…Acho bem injusto especialmente por comparação aos outros. É um romance divertido e com personagens femininas bem superiores ao muito do que se encontra hoje em dia.

  6. Oh…Eu acho-a divertida. Aquele sentido de humor na entrelinhas e aquele poder de observação – “É verdade universalmente reconhecida que um homem solteiro em posse de boa fortuna deve estar necessitado de esposa.” Impagável xD

  7. Nossa… Que desagradável esse comentário do Mark Twain sobre Orgulho e Preconceito… Desrespeito com a colega escritora, né?
    Bom, desses só não me imagino lendo A Divina Comédia. Os outros ainda quero ler nessa vida.
    Beijo! <3

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.