Maratona Literária Fusão | mundo rosa e branco

IMG_1862.JPG

Terminei o livro A Biblioteca, de Zoran Zivkovic. Agora vou ler o livro da categoria: um livro escrito por uma mulher. A Todos os Rapazes que Amei, da Jenny Han. Estou sem expectativas. Nem sei bem o motivo de ter comprado este livro, mas sei que vai ser da minha irmã depois de lido. Hoje não sei se consigo escrever a minha opinião sobre o livro do Zoran, mas vou tentar.

 

Ontem deu-me uma pancada e fui comprar um novo cantinho para o meu quarto. Um cantinho de leitura e escrita. Também pretendo que sirva de pano de fundo para os futuros vídeos. Sempre sonhei com um quarto rosa e agora tenho. O marido não se rala com isso. Não somos quadrados ao ponto de considerar o rosa uma cor só para meninas. Estou completamente apaixonada pelo meu cantinho novo. Agora tenho vontade de mudar tudo. Aos poucos vai. Próximo passo, os cortinados e a cama. Estou numa de ter pouco, mas ter apenas o que me faz feliz sem acumular. Simples, mas bonito. 

 

Entretanto, o meu filho mais velho ficou com varicela, vou ao hospital daqui a pouco. Oito a dez dias em casa com dois miúdos. Força para mim. Relativizar é a palavra- chave. Que os livros me acalmem e as noites sejam amigas. 

Pode também gostar de...

5 comentários

  1. Da Jenny Han li os dois primeiros livros da trilogia “Brun for Burn”, e já li há algum tempo. Não sei porquê, não fiz grande esforço para ler o terceiro, mas agora fiquei com curiosidade novamente. A escrita dela não é a mais entusiasmante, mas os plots eram daqueles melodramáticos de miudos de secundário que deixam sempre uma pessoa, pelo menos, entretida.
    As melhoras para o filho 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.