Fica um vídeo muito amador, de 2013, onde explico os verdadeiros motivos da frase: “não tenho tempo para ler”.