O EMOCIONANTE ENCONTRO DO CLUBE DOS CLÁSSICOS VIVOS

share_224_170917173550.png

 

Aconteceu o terceiro encontro do Clube dos Clássicos Vivos, a obra discutida foi “O Vermelho e Negro”, de Stendhal. O lugar eleito foi a Fábrica das Palavras, em Vila Franca de Xira. A biblioteca fica junto ao Rio Tejo, vale a pena conhecer de tão bonita. 

 

Se ter um clube literário era um sonho, ter estes encontros era algo que nunca julguei possível nos tempos que correm. As pessoas distraem-se com as tecnologias, a pressa da vida e  não há lugar tudo. É difícil encontrar pessoas que gostam de livros e vontade de falar neles. No entanto, foi possível a concretização e tem sido um caminho fantástico juntamente com outros leitores. Trocar impressões de leitura nunca foi tão rico. As minhas leituras ganham com a experiência e sinto-me verdadeiramente feliz quando falo do que gosto com quem gosta do mesmo que eu. 

 

Stendhal foi um escritor que afastou alguns membros. Talvez o clássico não seja aquele clássico que facilmente agrada a todos. As opiniões foram unânimes em relação ao protagonista, mas muito particular em relação à obra no geral. É interessante escutar todos os pontos de vista e ver o entusiasmo expresso nos olhos quando o assunto são livros. Deu uma bela discussão. 

 

A dado momento fomos interrompidas por uma senhora que se confessou emocionada com o nosso encontro. Quando tirou os óculos de sol as lágrimas no seu rosto comprovaram as suas palavras. Mais do que unir pessoas, os livros emocionam, o amor pelos livros emocionam. Se isto não é o melhor de ter um clube literário, não sei o que poderá ser. Fiquei extremamente feliz por ouvir o seu discurso. Ainda nos tirou uma foto para colocar no seu facebook. Afinal estávamos diante de uma professora de Português emocionada, com uma missão belíssima (divulgar a língua portuguesa em países como Cabo Verde e Moçambique). Mostrou interesse em divulgar este projecto e falar nele a outras organizações empenhadas em difundir a língua portuguesa pelo Mundo. Não é fabuloso? Espero que chegue a muitas pessoas!

 

A ideia é que mais leitores se juntem a nós. O próximo encontro será em Lisboa, vamos falar sobre “Dom Casmurro”, de Machado de Assis. Estamos no Goodreads para falar sobre livros caso não consigas participar nos encontros. Venham. A conversa é divertida, sem etiqueta e ainda sorteamos clássicos no fim em parceria com a editora Guerra e Paz (está connosco desde o inicio). 

share_223_170917173349.png

Texto sobre foto1505664544882.jpg

 

Pode também gostar de...

11 comentários

  1. Estou a ver que foi um encontro cheio de emoções fico mesmo com muita pena de não ter conseguido ir. Gostava muito de ter partilhado tudo isso convosco e também de conhecer a Fábrica das Palavras mas no próximo lá estarei concerteza. Jinhos

  2. Só moças simpáticas!
    Tenho pena de não ter conseguido ir, gosto mesmo de estar na vossa presença porque se acho que amo livros, vocês então nem se fala. E que história tão bonita da prof de português. O espaço parece ser tão giro! Quando voltar de viagem vou a um encontro clássicos vivos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.