Revelação de identidade de Elena Ferrante

 

Para muitos não fará qualquer diferença. Sinto-me completamente triste por causa desta noticia. Foi totalmente abusivo, despropositado e infeliz a atitude deste jornalista. Querida amiga, estou contigo. 

 

Toda a noticia AQUI

Pode também gostar de...

10 comentários

  1. Nada está confirmado. É apenas um artigo fito por um “jornalista” coscuvilheiro e que pretende fazer nome à custa de quem o não quer ter.

  2. Concordo contigo. Não havia necessidade desta invasão de privacidade :/ seja verdade ou não, se Elena Ferrante decidiu o anonimato tinha as suas razões e esse anonimato só devia poder ser quebrado pela própria. Muito triste!

  3. Fiquei chocada quando li a notícia ontem. Nada justifica a invasão de privacidade que este jornalista fez… Desrespeitou a vontade da autora e foi contra todos os princípios básicos de jornalismo e privacidade. Também fiquei triste.

  4. Fiquei chocada, há que respeitar certas decisões. Se ela quis ficar incógnita só tinham que respeitar a decisão dela. Foi extremamente abusivo irem à contas para ficaram a saber quem é a Sra. Há jornalistas que não sabem o que é a ética jornalista —

  5. Estou contigo!
    Não havia necessidade. Há muito que o conceito de privacidade deixou de ser o que realmente é.
    É pena alguns profissionais (jornalistas e outros) se esqueçam disso.
    Beijinhos

  6. Adoro a Ferrante! Li tudo que foi publicado em Portugal por ela. Independentemente da identidade para mim será sempre a Ferrante! E só espero que isto não a inibe de escrever mais livros. porque eu quero mais, muito mais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *