Publicado em Deixe um comentário

TRIO LITERÁRIO DE AGOSTO

Último mês completo em casa. Até dói ao escrever isto. Muitas mudanças vêm aí. Estou quase de regresso ao escritório e as meninas vão entrar para o infantário. Mas claro, não vou deixar de ler os meus livros lindos. E já escolhi o trio literário de Agosto.

 

Escolhi três livros comprados o ano passado porque começa o projeto acabadinho de ser inventado “antes do final do ano leio o que comprei o ano passado”. Será? Está na hora.

 

Posto isto, os livros são:

Os meninos da Camorra, Roberto Saviano (comprar livro)

Comunidade, Ann Patchett (comprar livro) – Este livro está neste momento com 40% na WOOK

O meu nome era Eileen, Otessa Moshfegh (comprar livro)

 

Boas leituras a todos e estiveres de férias, boas férias!

 

leituras-verao-billboard

Publicado em 1 comentário

Trio de Abril | o que vou ler

O trio de livros escolhidos para Abril está ligado ao projeto Festejar o Livro. Um projeto onde convido todos os leitores a ler um livro relacionado com livros, escritores, bibliotecas ou livrarias. Podes ler mais sobre o projeto AQUI.

 

Escolhi livros relacionados com livros, excepto o livro do clube literário Net Book Club. Votado pela maioria dos membros do Net Book Club venceu o título Dez Anos Depois (comprar livro), da autora Liane Moriaty. Uma autora que ando para ler há uns anos e nunca surgiu a oportunidade. Espero que seja um bom livro, estou farta de ler livros medianos para o clube literário. Vou precisar de repensar as regras do clube para o próximo mês. Já pensei em desistir e tudo, mas vou tentar mais vezes até acertar. Agora os livros sobre livros. 28 livros para te Encontrar (comprar livro), dos autores Michelle Kalus e Ali Berg. Adoro o título e a capa. Não sei mais nada. Sei que é um romance. Pouco mais. A Vida Escondida entre Os Livros (comprar livro), Stephanie Butland. Ah, tem tudo para eu gostar muito. Adoro a capa também! Será? Adoro ler livros sobre livros, por isso estou super entusiasmada com o mês de Abril.

E tu? Já escolheste o livro para participares no projeto Festejar o Livro? Um projeto cheio de surpresas, desafios e boas partilhas?

Se comprarem os livros pelos links do meu blog estão a ajudar o meu trabalho. É muito importante para mim se o fizerem. Obrigada!

 

Publicado em 2 comentários

Trio de Fevereiro

Trio de fevereiro, onde revelo os três títulos que pretendo ler no mês correspondente. Ora, fevereiro é o mês dos aniversários dos meus filhos: Gustavo (20) e Francisca (25). Habemus festa! Posto isto, escolhi livros que acredito serem entusiasmantes. Pouco pesadas.

 

Vou ler finalmente a biografia da Michelle Obama, um livro que esteve esgotado na altura do Natal. Presente do marido. Becoming – A Minha História. Também na onda de não ficção, lerei o livro de memórias de Tara Westover, Uma Educação. Livro recomendado por Obama, o homem. Constatei neste momento que os  dois livros estão ligados de alguma forma pela família Obama. Por fim, escolhi o Vox, o livro do Net Book Club. Adoro a premissa: e se as mulheres só tivessem 1000 palavras por dia? O livro sairá dia 4, por isso é que não tenho foto.

 

Continuarei a ler a biografia de Saramago devagarinho para reter o máximo de informação possível. Recomendo!

 

Se clicarem em cima dos títulos irão diretamente para o site de compras Wook através do meu link de afiliado. É muito importante para mim fazerem as vossas compras através do link. Desta forma, apoiam o meu trabalho. Obrigada.

 

 

Publicado em 9 comentários

Como baixar a pilha de livros por ler

Prateleira a prateleira é o meu novo projeto pessoal. O que é isto? Mais uma ideia que me ocorreu numa manhã. Pedi a ajuda para escolher a quarta leitura através dos stories do meu Instagram. Com um critério. O livro teria de estar há mais de um ano na estante. Acabou por vencer o livro de contos do Murakami. Uma coisa levou à outra e acabei por contar os livros todos por ler da estante. Cubo a cubo. E ainda fiz uma super arrumação. Acabei por retirar mais de cinquenta livros da estante para trocar/vender. E ainda fui anotar tudo num caderno. Descobri que tenho mais de 170 livros por ler.
A ideia é baixar a pilha de livros. Vai ser uma grande aventura. Confesso que já tinha cerca de 400 livros por ler na minha estante. Quando comecei a fazer limpezas a sério à estante, e a doar os meus livros, o número reduziu imenso. E sinceramente deixa-me muito satisfeita oferecer e trocar livros. E claro, ganhar alguns trocos com eles.
Estou a construir uma biblioteca pessoal para a minha família. Terei (espero) 4 adolescentes leitores. Portanto, não pretendo deixar de comprar livros porque adoro comprar livros. Mas este ano é um dos meus objetivos, só comprar para os meus clubes literários. Nunca me senti mal por gastar o meu dinheiro em livros. Nunca me senti mal por ter imensos livros por ler. A vida é demasiado pesada para carregar o peso do arrependimento de investir naquilo que mais gosto. Este objetivo vem do facto de querer poupa dinheiro e de reduzir a pilha.
Escrevi num caderno os títulos dos livros por ler. Sempre que terminar de ler um título pretendo riscar e diminuir o número. Começo no número 174. E não vou acrescentar à lista dos livros recebidos este ano. Para o ano trato disso. Novos livros estarão sempre a chegar. É inevitável para quem gosta de livros.
Ler livros da biblioteca apesar de ser economicamente mais aliciante, não é a mesma coisa. Adoro ir à biblioteca, mas tenho tantos livros em casa por ler que também não faz muito sentido ir buscar emprestados.  Ou pedir emprestados à Alexandra. Mas continuo a fazer exatamente aquilo que não faz sentido. Quem nunca? No entanto, não gosto muito da sensação de ler livros emprestados. Não sei explicar os motivos.
Existem vários tipos de leitores. Aqueles que compram imenso e leem pouco. Aqueles que não compram e só recebem de parceria. Aqueles que leem conforme o que vão comprando. Aqueles que adoram oferecer e os que adoram acumular. Não há quem esteja certo ou errado. Leitores não julgam leitores (espero).
Prateleira a prateleira vou dar cabo da pilha. E estou muito satisfeita por partilhar isto convosco. Este método acaba por ser mais estimulante. Primeiro arrumar, anotar e contar. Depois ler, pedir ajuda na escolha e riscar os lidos. Prateleira a prateleira, a pilha baixa. Ou pelo menos, a ideia é essa.
Gostavam de saber quais são os livros que tenho na estante por ler?