O título “Em Nome da Filha” da escritora Carla Maia de Almeida chamou-me a atenção nos lançamentos de um site. Quando li a sinopse fiquei logo interessada e cheia de vontade de partilhar convosco. O livro é pequeno, cerca de cem páginas, custa 3.15€. Várias mulheres vitimas de violência doméstica foram entrevistas e contaram as suas histórias agora partilhadas neste pequeno livro. Livro necessário porque é importante mudar mentalidades e falar no assunto. 

 

A reportagem Em Nome da Filha – Retratos de Violência na Intimidade é maioritariamente composta por testemunhos de mulheres vítimas de violência doméstica. Entrevistadas em vários pontos do país, acederam a contar as suas histórias sob anonimato, por razões compreensíveis. A essa urgência de partilha correspondeu a vontade de contribuir para a mesma causa: lutar contra um problema que não é «doméstico», mas de toda a sociedade. De todos nós, mulheres e homens.